conteúdo do menu

Prefeitura Municipal de Nova Esperança

conteúdo principal
conteúdo principal

Notícia

Os ecopontos são espaços disponibilizados para a coleta de objetos e materiais que não devem ser descartados no lixo comum, devido ao grande volume ou potencial de contaminação do solo. “Com a criação do Ecoponto queremos possibilitar a destinação correta desses materiais, evitando seu abandono em ruas, calçadas, estradas rurais e terrenos baldios”, explica o prefeito, Moacir Olivatti.

A coleta seletiva já é uma realidade em Nova Esperança. Os munícipes já estão acostumados a separar o lixo doméstico em resíduos orgânicos e materiais recicláveis. A dúvida surge quando as pessoas precisam descartar materiais de grande volume ou de descarte incomum como móveis velhos, eletrônicos, pneus, sucatas, entre tantos outros.

Hoje, esse tipo de descarte pode acontecer através da contratação de terceiros que recolhem os volumosos e descartam na Garagem da Prefeitura que serve como uma área de transbordo. De lá, semanalmente o lixo separado e segue para a destinação correta. Essa prática é antiga, já vem de várias administrações, mas agora deve se findar com a construção de uma área específica para o descarte de volumosos.

O Ecoponto será instalado ao lado da Cocamare (Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis), com área coberta, grades e portão. As pessoas serão conscientizadas a descartar os resíduos nos locais corretos, separados e dentro do horário de funcionamento. A escolha do local foi estratégica, de acordo com a prefeitura, que justificou que boa parte dos materiais que serão descartados ali podem ser reaproveitados pela cooperativa.

A previsão é de que o local já esteja funcionando no segundo semestre deste ano.

GALERIA DE FOTOS